Algumas certezas sobre o treinamento
de operadores de veículos industriais

Apesar de ainda ser desprezado por muitos, o treinamento dos operadores de veículos industriais motorizados é um item extremamente importante e que deve ser considerado como indispensável em qualquer empresa. Além de reduzir os problemas causados com acidentes, ele aumenta a produtividade. A seguir, algumas considerações:

Existe um movimento para se criar uma norma que garanta que nenhum dos procedimentos de avaliação ou treinamento seja colocado a esmo. Por exemplo, já que todos os modelos de veículos para corredores estreitos não operam exatamente da mesma forma, o operador deve ser treinado num veículo parecido com o que ele irá trabalhar regularmente.
É desnecessário dizer que o treinamento deve ser realizado por uma pessoa designada e avaliadora da mesma, embora o treinador e o avaliador necessariamente não precisam ser a mesma pessoa. Uma das considerações extremamente importante é o treinamento, ou seja, o operador em treinamento deve estar sob a supervisão direta de uma pessoa designada e o treinamento deve acontecer em um local reservado, que não coloque em perigo outros funcionários. O treinamento deve ser uma combinação de instruções em sala de aula e treinamento prático no equipamento. 

Conheça sua empilhadeira
A informação geral sobre empilhadeiras não é suficiente. A norma especifica que o operador conheça a capacidade de seu veículo, bem como a forma de operá-lo e mantê-lo (reabastecimento e carga estão inclusos no treinamento). Se um acessório fizer parte da operação, o operador deve saber como usá-lo, bem como entender como este altera a capacidade do veículo.
Além disso, é importante saber como fazer o veículo funcionar, e se movimentar é apenas uma parte do treinamento padrão. O operador em treinamento deve ser capaz de movimentar e armazenar os tipos de cargas paletizadas que ele encontrará na prática. Configurações dos corredores também podem ser traiçoeiras num determinado ambiente de trabalho, e o piso pode ser irregular ou escorregadio. O operador de empilhadeira deve ser treinado para lidar com o tráfego de pedestres.

Avaliação e Certificação
O operador será avaliado por uma pessoa designada e o empregador deve certificar que isso foi feito, bem como registrada a informação. A avaliação não é um evento isolado, e o esboço final da regulamentação descreverá com qual frequência o operador deve ser avaliado. Naturalmente, no caso de um acidente ou incidente, o operador necessitará de um treinamento de reciclagem.
Quaisquer que sejam os materiais de treinamento usados, eles devem ser preservados em conjunto com a informação sobre o treinamento e o treinador. Treinamento, avaliação e certificação são obrigatórios. Contudo, os empregadores serão capazes de certificar que um operador foi treinado e avaliado como competente.


José Maurício Banzato,
Diretor da IMAM Consultoria Ltda., de São Paulo.
Tel. (0--11) 5575 1400    imam@imam.com.br


Esta página é parte integrante do www.guiadelogistica.com.br .